O valor de estarmos juntos


Ref: Mateus 3.13-17


Em Atos 2, a igreja primitiva experimentou a promessa de que o Reino de Deus seria implantado através deles. Eles se reuniam em casas para falar da Palavra.

Há um conjunto de fatores que contribuíram para o nascimento da igreja.

Há um forte poder quando estamos juntos.

A proposta do evangelho é que sejamos um corpo bem ajustado. Que vai crescendo um

com o outro.

Não tem como dizer que você é igreja quando você não participa.

Nós precisamos estar juntos. Ouvir um ao outro.

O avivamento em Atos 2, mostra a unidade na fé. Estar juntos é revelado como Koinonia na Palavra. É uma ação conjunta, uma relação.

Estamos querendo transferir nossa vida para o mundo virtual, sem relacionamento pessoal.

Porém, sendo como somos, vamos nos juntando. Nos encaixando.

Mesmo sendo perfeito, o filho de Deus passou pelo batismo. Jesus chega a João e pede para ser batizado.

O ato de descer às águas não representa apenas uma nova vida, mas tem princípios de unidade neste ato.

Princípios para viver em unidade:

1. Aprenda ir em direção às conexões de valor. Gente que carrega algo maior do que eu posso imaginar. Andar com pessoas que nos colocam mais perto de Deus.

2. Construa grandes relacionamentos com humildade. Jesus chega a João em humildade. Precisamos aprender a ouvir, aprender, a servir.

3. Busque a vontade do Pai em concordância com os irmãos da fé. Orar um pelo outro. O que importa pro outro, importa pra mim.

4. Viva os céus abertos em comunidade. Se você crer os céus serão abertos.

Vale a pena estarmos juntos.

Deus tem membros ajustados.

Caminhamos juntos e somos mais fortes.


Pr. Tarcis Antonio

1 visualização